MEU CORPO GORDO


Um corpo. Um corpo gordo. Meu corpo gordo.

Perdi a conta de quantas vezes deixei de viver os momentos, de quantas vezes deixei de estar em algum lugar ou fazer algo por completo, apenas porque meu corpo era diferente, era um corpo gordo.

Depois de viver muitos anos assim, triste e escondida, estou lutando contra os padrões impostos pela sociedade, que dizem que não posso viver minha vida de forma “normal” por ter um corpo assim.

Estou buscando, aos poucos, me desprender das amarras e, ser feliz com qualquer corpo.

Sinceramente, foi a melhor coisa que fiz até hoje.

Nem sempre é fácil, alguns dias são mais fáceis do que outros, mas não podemos desistir.


Texto e fotografia de Karin Aline Henzel

Professora de Ciências e Biologia;Mestranda em Educação;

Mãe, filha, esposa e ativista gorda;

Criadora de conteúdo digital;


IG instagram: karinhenzel

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: